Home Destaque 70% dos municípios do Piauí ainda fazem a utilização de ‘lixões’

70% dos municípios do Piauí ainda fazem a utilização de ‘lixões’

3 primeira leitura
0
0
22

O Ministério Público Federal divulgou o resultado do levantamento de informações realizado pelo Projeto Lixo Legal junto aos órgãos públicos concedentes de recursos federais, órgãos ambientais e municípios piauienses sobre a atual situação do gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no estado do Piauí. Segundos os dados, 126 municípios informaram não possuir licenciamento ambiental da área destinada à disposição final de resíduos sólidos urbanos.

A atuação coordenada pelo Ministério Público Federal no estado, contou com a obtenção de informações de órgãos públicos concedentes de recursos federais destinados a ações de gerenciamento de resíduos, como FUNASA e CODEVASF, e de órgãos ambientais, IBAMA e SEMAR. Além disso, contou com a participação dos municípios piauienses através da expedição sincronizada de ofícios com o link para preenchimento de formulário eletrônico, no período de 22 de julho a 27 de setembro de 2019.

Ao todo, 148 prefeituras apresentaram reposta completa ao questionário, 66%, 80 deles informaram não possuir o Plano Municipal de Saneamento Básico. Destes, 79 municípios disseram não possuir o Plano Municipal de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

12% das prefeituras afirma ter aterro controlado, 13% dizem que possui aterro sanitário, 70% só tem lixão e 5% não informa ou afirma possuir outra forma de destinação do lixo não especificada.

Parte das informações apresentadas pelos municípios conflitam com as informações oficiais como, por exemplo, a percepção de recursos federais para ações de destinação final adequada de resíduos sólidos urbanos.

Confira os números:

Fonte: MPF-PI

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias (PORTAL REDE POP TRANSMÍDIA) reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Postagens criminosas, que firam a legislação brasileira serão repassados às autoridades policiais competentes para rastreamentos e as medidas legais cabíveis aos criminosos.

Veja Também

Fiscalização encontra equipamentos com defeitos no Hospital de Campo Maior

Técnico do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE/PI) iniciaram, nesta quarta-feira (0…