Home Política Endividado: Governo vai rever ‘contratos’ com servidores estaduais e fazer remanejamentos

Endividado: Governo vai rever ‘contratos’ com servidores estaduais e fazer remanejamentos

5 primeira leitura
0
0
37

Em reunião com o secretário de Estado da Administração e Previdência, Ricardo Pontes, o governador Wellington Dias traçou, nessa quarta-feira (9), mais medidas para redução de gastos na gestão do Estado. A audiência foi realizada no Palácio de Karnak e teve a participação de representantes da Procuradoria Geral do Estado (PGE), Secretaria da Educação e Saúde. 

Segundo Ricardo Pontes, uma das medidas é rever as lotações de servidores. “Discutimos com as secretarias e estamos revendo quais são as lotações de cada unidade, hospitais, escolas, quantas pessoas realmente são necessárias para o cenário atual. A ideia é fazer um redimensionamento desse pessoal”, disse o secretário. 

Para o governador, além da redução de gastos, o objetivo também continua sendo ampliar a capacidade de investimentos. “Queremos um Estado com crescimento de receitas próprias e uma economia forte. Vamos fortalecer ações e medidas que continuem transformando o Piauí em um lugar mais desenvolvido”, afirmou Wellington. 

Contenção na Sesapi 

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) mantém a adoção de medidas para economicidade e redução de gastos. Após o chamamento de servidores cedidos a outros órgãos, o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, apresentou aos diretores das unidades gestoras vinculadas à sede um conjunto de ações e medidas que devem ser implantadas e reforçadas para contenção de despesas. 

Em reunião, nessa quarta-feira (9), com diretores de hospitais, tanto da capital como do interior, Centro de Hematologia e Hemoterapia (Hemopi), Diretoria de Vigilância Sanitária (Divisa) e Laboratório Central (Lacen), Florentino Neto explanou as ações que devem ser implementadas.

“Fizemos uma avaliação sobre nossas despesas, buscando respeitar a decisão governamental de redução de despesas, reduzindo também o número de contratos de prestação de serviços e plantões extras, para que possamos favorecer o trabalho dos servidores efetivos”, disse o gestor. 

O secretário também anunciou o estudo que está sendo feito para a realização de concurso ainda para este ano, “o que vai suprir a necessidade dos hospitais e substituir uma força de trabalho eventual por uma força de trabalho efetiva”.

Outra medida é a substituição de equipamentos alugados pelos próprios, tendo o programa Renova Saúde como uma estratégia para modernização dos hospitais. 

As medidas obedecem à resolução 04/18, da Comissão de Gestão Financeira. Nela, é exposto que, para assegurar o equilíbrio econômico financeiro, são necessárias medidas para, “manter o equilíbrio das contas públicas e cumprir os limites ficados pela Lei de Responsabilidade Fiscal”.

Com informações da Ccom

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação
Carregar mais por Política

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias (PORTAL REDE POP TRANSMÍDIA) reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Postagens criminosas, que firam a legislação brasileira serão repassados às autoridades policiais competentes para rastreamentos e as medidas legais cabíveis aos criminosos.

Veja Também

Operação tapa buracos é iniciada na PI-115 entre Campo Maior e Castelo do Piauí

Após uma série de denuncias e reivindicações da população, o governo do estado iniciou na …