Home Polícia Comandante do 1º Batalhão é morto em assalto ao buscar filha em parada de ônibus

Comandante do 1º Batalhão é morto em assalto ao buscar filha em parada de ônibus

4 primeira leitura
0
0
545

O comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, major Mayron Moura Soares, 44 anos, morreu na noite desta terça-feira (21) após ser alvejado com um tiro durante assalto.

Segundo o coronel Wagner Torres, o major Mayron estava esperando a filha descer na parada de ônibus – próximo a sua residência – quando foi abordado por dois homens em uma moto. Os assaltantes pediram seu celular e ele chegou a entregar.

O major estava em pé falando ao celular quando foi anunciado o assalto. O filho do major se encontrava dentro do veículo aguardando o pai e a irmã quando ouviu os tiros.

“Eles anunciaram o assalto, tomaram o celular e atiraram no peito do major. Ele não reagiu o assalto. Ele estava com seu filho,  os tiros foram na direção dele e do seu filho, mas não atingiu seu filho”, informou o coronel que estava no HUT prestando auxilio a família.

Wagner Torres disse que atualmente os criminosos além de assaltar estão matando as vítimas. Ele lamentou a morte do colega.

“A Polícia está de luto, é lamentável a violência está muito grande, além de roubar os criminosos estão matando as vítimas”.

O major Mayron Soares é um policial respeitado na corporação, tem mais de 26 anos de serviço militar. Ele é casado e irmão do comandante da Companhia de Polícia de Trânsito (CPTRAN), major Iran Moura. A família dele é de Valença.

O coronel Wagner Torres disse que todas as policiais estão na busca dos suspeitos.

A morte do comandante causou revolta e comoção em Teresina.

Um vídeo foi gravado no momento em que a ambulância chegava ao HUT com o major baleado e ainda com vida.

A Secretaria de Segurança divulgou nota e disse que perda é irreparável. 

A Secretaria de Estado da Segurança Pública do Piauí lamenta com profundo pesar o assassinato do major Mayron Moura Soares, ocorrido na noite desta quarta-feira (21) durante um assalto na região da Usina Santana, na zona sudeste de Teresina.

O secretário Fábio Abreu presta condolências à família e solidariedade aos colegas de farda pela morte do atual comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar em Teresina. Equipes de policiais militares e civis estão nas buscas pelos dois acusados desse crime, que não ficará impune.

A perda de qualquer membro da Segurança Pública é irreparável e provoca as forcas policiais a se fortalecerem cada vez mais contra a criminalidade.

Flash Yala Sena
yalasena@cidadeverde.com

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Redação
Carregar mais por Polícia

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias (PORTAL REDE POP TRANSMÍDIA) reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós. Postagens criminosas, que firam a legislação brasileira serão repassados às autoridades policiais competentes para rastreamentos e as medidas legais cabíveis aos criminosos.

Veja Também

Dia “D” do Esporte Inclusivo e Seguro é realizado em Castelo do Piauí

Acreditando que a prática esportiva supera barreiras e proporciona momentos de intera…